Dermatite Atópica

Dermatite Atópica

A Dermatite Atópica é um dos tipos mais comuns de alergia cutânea. Ela é uma doença genética, crônica que apresenta pele seca e é caracterizada por uma inflamação das camadas externas da pele que provoca uma erupção vermelha e escamosa que coça.

A doença geralmente se inicia na infância e fica menos intensa na fase adulta, podendo até desaparecer em 75% dos casos. Geralmente se manifesta nas dobras dos braços e na parte de trás dos joelhos, podendo ainda ser acompanhada de asma ou rinite alérgica.

A dermatite não é uma doença contagiosa e pode ser controlada com o uso de emolientes, também chamados de hidratantes. Isso porque a hidratação da pele é necessária para aliviar o eczema.

Fatores de risco

Os fatores de risco da dermatite atópica, conhecida também como eczema atópico, são bastante variadas. Os fatores possíveis, que inclusive podem variar de pessoa para pessoa, incluem:

– Contato com materiais ásperos, roupas de lã e tecido sintético
– Detergentes, produtos de limpeza em geral, fragrâncias ou corantes adicionados a loções ou sabonetes
– Poeira, alergia a pólen, mofo, ácaros ou animais

Outros gatilhos para as crises são as temperaturas extremas ou mudanças bruscas temperatura, infecções, alguns alimentos e estresse.

Sintomas

A pessoa com Dermatite Atópica tem como característica principal uma pele muito seca que apresenta prurido, podendo levar a ferimentos, além de outros sintomas, como:

– Áreas esfoladas causadas por coceira
– Vermelhidão ou inflamação da pele ao redor das bolhas
– Áreas espessas ou parecidas com couro

Os pacientes devem ser orientados pelo dermatologista, médico indicado para diagnóstico e tratamento.

Não se automedique, agende uma consulta!

Deixe Seu Comentário

Seu endereço de e-mail não será divulgado.